Casal discute e mulher agride companheiro com faca em Imperatriz

A Polícia Civil está investigando um caso de uma mulher, identificada como Cellyara Almeida, que foi flagrada agredindo o atual companheiro a facadas em Imperatriz, a 486 km de São Luís. O caso foi registrado por câmeras de um estabelecimento comercial e mostram as agressões diante de três crianças, que são filhos dele.

Uma das crianças ainda tenta evitar o crime, mas Cellyara continua. Depois, uma outra mulher, identificada como Roberta, aparece e ajuda a amiga. Por fim, as duas deixam o homem e as crianças na rua, entram em um carro e vão embora.

Segundo o delegado regional de Imperatriz, Eduardo Galvão, o homem se chama Gutemberg da Silva, que tentava levar as crianças para a casa da mãe delas. Ele e Cellyara vivem juntos e estão em união estável. Após o caso, a Polícia Civil abriu inquérito como tentativa de homicídio e acredita que Cellyara planejou a ação, junto com a amiga.

“Tudo indica que foi um crime premediatado. Na realidade, há uma troca de mensagens entre a condutora do veículo [Roberta] e a vítima [Gutemberg], o que acaba ocasionando a chegada até o local. (…) Ele [Gutemberg] apresentou uma mensagem e mostra que não queria que ela [Roberta] mostrasse onde ele estava. Ela não só mostra a localização pra amiga [Cellyara], como também a leva até o local. Talvez ela [Cellyara] só não tenha logrado êxito no assassinato por força das presença de crianças, talvez ela não contasse com aquela situação. As duas vão responder por tentativa de homicídio qualificado”, declarou o delegado.

Após o crime, Cellyara foi chamada para prestar depoimento. Por meio de nota, os advogados de Cellyara informaram que ela se põe a disposição da Justiça para esclarecimentos dos fatos e que ela vem sendo vítima de acusações infundadas.

Veja o vídeo:

Fonte: G1 MA